Voltar TJMS é selo Ouro do Prêmio CNJ de Qualidade 2022

22/11/2022 14:18 2382 visualizações
Imagem notícia TJMS é selo Ouro do Prêmio CNJ de Qualidade 2022
O Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul recebeu, pelo segundo ano consecutivo, o selo Ouro do Prêmio CNJ de Qualidade 2022. Implementada em 2019, a premiação é um reconhecimento institucional do Conselho Nacional de Justiça aos tribunais brasileiros que apresentam melhor desempenho sob as perspectivas de eficiência, políticas judiciárias, gestão e organização de dados.

O resultado da edição 2022 do Prêmio foi divulgado nesta terça-feira, dia 22 de novembro, durante o Encontro Nacional do Poder Judiciário. Segundo o resultado, o TJMS é o 5º melhor tribunal, do ramo da justiça estadual, em relação à produtividade. Neste ano, na classificação geral, onde são considerados a soma de todos os eixos (governança, produtividade, transparência e dados e tecnologia) o índice chegou a 69,93%.

Sobre o resultado, o presidente do TJMS, Des. Carlos Eduardo Contar enfatizou que “mais uma vez confirmamos o selo Ouro e somos um dos melhores tribunais de justiça do país. Devemos isso aos magistrados e servidores do Poder Judiciário de Mato Grosso do Sul que dedicam tanto tempo de serviço e comprometimento".

O Prêmio CNJ de Qualidade para o ano de 2022 foi regulamentado de acordo com a Portaria CNJ nº 170, de 20 de maio de 2022.

Saiba mais - O Prêmio CNJ de Qualidade foi criado em 2019, em substituição ao antigo Selo Justiça em Números, implementado desde 2013. Ao longo dos anos, vários critérios foram sendo aperfeiçoados e incluídos no regulamento da premiação, que é dividida em quatro eixos principais: governança; produtividade; transparência; dados e tecnologia. 

Utiliza-se uma metodologia de avaliação dos tribunais sob o olhar do acompanhamento das políticas judiciárias, eficiência, gestão e organização de dados. Assim, em cada segmento de justiça, os tribunais são classificados em três categorias, a saber: “Diamante”, “Ouro” e “Prata”. O tribunal que mais se destaca entre todos os 90 e que atinge maior pontuação, é congratulado com o “Prêmio Excelência”.

Todos os tribunais participam do Prêmio CNJ de Qualidade, incluindo os tribunais superiores, os 27 Tribunais de Justiça (TJs), os cinco Tribunais Regionais Federais (TRFs), os 24 Tribunais Regionais do Trabalho (TRTs), os 27 Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) e os três Tribunais de Justiça Militar (TJMs) dos estados.

A premiação é anualmente conferida durante o Encontro Nacional do Poder Judiciário, espaço onde são reunidos todos os presidentes dos tribunais para debater e votar as Metas Nacionais do ano seguinte.
Autor da notícia: Secretaria de Comunicação