Homenagem da Ejud-MS ao Desembargador Eládio Luiz da Silva Lecey

21/09/2021 13:34

Com profundo pesar, a Escola Judicial do Estado de Mato Grosso do Sul (Ejud-MS) comunica o falecimento do Desembargador Eládio Luiz da Silva Lecey, ou Professor Eládio, como gostava de ser chamado, Presidente da Comissão de desenvolvimento científico e pedagógico da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam).

O Desembargador era aposentado pelo Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul, onde exerceu a judicatura por longos anos, bem assim professor de Direito Penal e de Direito Ambiental Penal e atualmente coordenava a Revista de Direito Ambiental da Editora RT.

Nascido em 22 de agosto de 1944 na cidade de Pelotas-RS, ingressou na magistratura em novembro de 1973, sendo promovido a Desembargador em março de 1997. Foi Diretor da Escola Superior da Magistratura do Rio Grande do Sul em duas gestões, 1988/1989 e 1990/1991, e Diretor da Escola Nacional da Magistratura em 2007.

Seu nome estará sempre associado com a história das Escolas de Formação para magistrados no Brasil. Foi um parceiro e colaborador da Ejud-MS no “3º Curso Nacional O Direito Ambiental da Flora”, realizado na cidade de Bonito no ano de 2019. Havia outros projetos em andamento, como o Curso Direito dos Povos Indígenas, que já estava na agenda da Ejud-MS para 2022.

Seu compromisso e atuação com a formação dos magistrados por meio da Educação Judicial é inspiração e exemplo para todos. Tratava-se de um homem simples, culto e profundo conhecedor do Direito e de grande formação humanística.

Lhano no trato com todos, transbordava a humildade própria dos sábios, amor, abnegação e dedicação não só no exercício da judicatura, cuja toga honrou e dignificou, mas também na docência, sempre transmitindo seus vastos conhecimentos no objetivo de a todos aprimorar, sabedor de que era este o caminho para construção de uma sociedade mais justa, fraterna e igualitária, através da atuação do Magistrado. Foi um homem que, a todo tempo, esteve sempre à frente de seu tempo.

Sua ausência deixa desolados não apenas seus familiares, mas todos quantos tiveram o inescondível privilégio de privar de sua amizade, de seu carinho e de seus ensinamentos.

A Ejud-MS presta a sua homenagem ao Desembargador Eládio, e por intermédio do seu Diretor-Geral, Des. Dorival Renato Pavan, externa os sentimentos a todos os familiares, amigos e companheiros de trabalho, certo de que o seu exemplo marcante, dignificante e seus peculiares predicados servirão de inspiração para as gerações presentes e futuras.

“Mesmo nas décadas de magistratura exemplar, ele nunca deixou de ser o professor Eládio” (Ministro do STJ Antônio Herman Benjamin)

Galeria de Fotos